HOME|NOTÍCIAS|Mais transparência (por Esperança Tricolor)
Debate • Por Esperança Tricolor • 14 mar 2018
Mais transparência (por Esperança Tricolor)

Torcida Tricolor,

Na semana passada acompanhamos as notícias sobre o projeto Samorin e ficamos perplexos em saber como está sendo tocado, totalmente diferente do que foi amplamente divulgado pelo Marcelo Teixeira e na época, pelo então presidente do clube, Peter Siemsen.

Mais uma vez tudo que envolve o nome do Marcelo Teixeira tem seu lado obscuro. Como não lembrar dos 20 jovens contratados por “atacado" e das renovações de jogadores que já ultrapassaram a idade de sub 23, mas ganharam a extensão de seus vínculos? Sem esquecer da negociação do Diego Souza por e-mail e o empréstimo do Wellington Silva para o Inter sem nenhuma contrapartida. O Marcelo Teixeira tinha autorização para negociar como negociou com o Sport, por exemplo? Quem deu essa autorização?

Mais um exemplo de recurso mau gerido e pouca efetividade da captação de base promovido pelo Sr. Marcelo Teixeira, se dá no norte do nosso país. Ano a ano, no Acre, o Fluminense desde 2013 envia profissionais para captar jovens talentos, sem que nenhum desses jovens até hoje desse sinais que este processo e custo de fato se justifiquem como viável. Nos links abaixo estão reportagens sobre esta questão.

https://m.youtube.com/watch?v=LVC2e6bKins

https://m.youtube.com/watch?v=RBLT3QOyXzM

Incomoda muito ver estourar essa bomba sobre um projeto que é totalmente diferente do que foi propagado. O Esperança recomenda que o departamento de futebol dê explicações sobre a matéria e realmente qual sentido deste ou melhor qual o seu OBJETIVO, pois está claro que quem faz a gestão desse apêndice não tem noção nenhuma do que fazer, basta analisarmos o resultado do Samorin nessa temporada europeia.

Como entusiasta do projeto muito surpreende que Marcelo Teixeira peça para cancelar o mesmo depois dessas notícias virem à tona. O torcedor merece mais transparência sobre o assunto para que possamos avaliar se vale ou não a pena cancelá-lo (lembrando que a torcida esgotou em poucas horas a camisa branca do Samorin).

O Esperança mantém sua posição de ser um grupo dinâmico e propositivo para ajudar o clube da melhor forma. Sendo assim propomos:

1) Que haja uma sessão extra do Conselho Deliberativo na qual o Marcelo Teixeira explique e detalhe o projeto Samorin.

2) Uma auditoria imediata nos contratos e gastos executados no projeto Samorin.

3) Após essas duas ações, que seja votado no Conselho a permanência ou não do programa.

4) Que se esclareçam as últimas negociações do futebol, incluindo a do Diego Souza e a do Wellington Silva, as dispensas dos jogadores Marquinho, Henrique e Cavalieri e as renovações dos diversos jogadores que eram da base.

5) Já que renovamos com diversos jogadores com mais de 20 anos, buscar torneios nos quais esses jogadores possam ser expostos e talvez negociados, desonerando a folha. Importante esclarecer seus empréstimos a outros clubes, como e porque foram feitos e o que planeja ganhar o clube.

Seguiremos com nosso olhar crítico. Desde novembro deixamos claro que o Sr. Marcelo Teixeira deve ser substituído. Seguiremos cobrando que o clube se modernize e se profissionalize, afastando as pessoas que não têm a competência necessária para essa transformação.

Saudações Tricolores

Compartilhe
  • Googlemais
comente
©2017 OBSERVATÓRIO DO FLUMINENSE
Os Woden